lundi 21 novembre 2016

exame da ordem feito! (post em português)

UFA!
Parecia uma ternidade, parecia que nao chegaria nunca, tinha medo e criei fantasmas ...

Mas o exame de certificaçao veio, eu fiz, sobrevivi.

Passei? Nao sei, oscilo entre a profunda certeza e a profunda incerteza, faço calculos mentais e prevejo cenarios catastroficos, imagino o melhor e o pior, meu cérebro me prega peças ....

Como foi o exame?

Nao posso dar detalhes sobre as questoes, assinamos um termo de responsabilidade, entao vao as impressoes gerais:

A parte teorica, na sede da OIIQ:
cheguei às 6H40, na cartinha pediam para chegar às 7 e os portoes estavam fechados. Uma alma boa e caridosa nos deixou entrar, assim pudemos esperar no quentinho do edificio ao invés de congelar  na parte externa.

Conversei com outros CIPS, a tensao estava no ar, todos meio nervosos/meio ansiosos/ meio estressados. A sensaçao de ansiedade crescente é a pior, nao é ? Sentimos a pressao no torax, a respiracao vai ficando mais dificil, os pensamentos passam a 1000 pela nossa cabeça, começamos a perceber que nosso corpo esta cheio de adrenalina, so falta o leao.

La pelas 8 da manha, todos os CIPS estavam na sede da OIIQ , todos devidamente identificados, com um crachazinho mequetrefe no peito e nos dirigindo para as salas. Era o fim das conversas, dos risos e da descontraçao, a ansiedade estava no ar, quase palpavel. Hora de pegar um lanchinho (dado pela organizaçao) e se preparar para entrar na sala.

Cabines individuais, separadas por um papelao. Computador, protetor auricular e calculadora a disposicao. Casacos e pertences pessoas colocados de lado. Instruçoes de ultimo minuto (e a ansiedade crescendo, podemos começar logo esse exame??). Pronto, c'est parti!

As questoes sao progressivas, o que significa que uma vez respondida, é impossivel voltar e melhorar a resposta. Primeira situaçao, um caso daqueles simples do dia-a-dia. Nivel de stress vai diminuindo .... Como as questoes sao progressivas, é possivel saber de vez em quando se demos a boa resposta, ja que a resposta precendente nos leva para a evolucao da questao. (YES!, acertei essa opcao, OPS, nao era bem isso, XI, passei completamente à côté!).
A primeira parte do exame teve uma questao extremamente longa e cansativa, acho que eram dez subdivisoes!

Terminada a primeira fase, hora de fazer pipi e voltar para a sala de espera. Fui a primeira a terminar , tenho o péssimo habito de nao reler minhas questoes e usar sempre minha primeira opcao (deve ser trauma de vestibular, sempre que trocava de resposta eu me dava mal kkkk).


Na sala de espera, lanchinho a disposicao, queijinho, iogurte, muffins, barrinhas de cereal, amendoas, agua, suco e café. Pagamos caro pelo exame, nos dao um confortinho minimo. Idas ao banheiro apenas acompanhadas por uma das supervisoras. Ao menos podemos fazer nosso pipi em paz, elas ficam do lado de fora :-)

Quinze minutos de pausa, momento de descontrair, somos proibidas de comentar sobre o exame (mas invariavelmente acabamos falando uma coisa ou outras). As supervisoras estao la e nos lembram "on ne parle pas de l'examen" ..... tentamos focar no que esta por vir, metade ja foi.

Voltamos para os cubiculos, mais duas horas de exame e a primeira parte sera concluida. A ansiedade ainda é facilmente perceptivel, mas a primeira parte do exame ajudou a retirar um pouco o estresse. Retoirou tanto que acabei respondendo bobagens na minha primeira questao, por ter lido muito rapido. Dai fiquei nervosa e respondi bobagens na segunda questao! Se concentre, muié! Se concentre!! Hora de respirar fundo ! Você ainda tem mais de 90 minutos para fazer o exame, va com calma!

Questoes 3, 4 e 5 respondidas, terminei a segunda fase muito rapido, em menos de uma hora (Ô maldito vicio de nao rever as questoes corretamente antes de enviar a resposta!). Balanco do dia: positivo, espero algo acima de 75%. Nao da para saber qual o critério de passagem pois eles analisam segundo a força do grupo, a nota nunca é a mesma, mas com certeza deve ser algo >60%. Nao acho que chegarao a uma nota de corte de >85%, pelo que ouvi na pausa entre a primeira e a segunda parte, muitas questoes *faceis* (para mim) foram perdidas pelos meus colegas.

Um dia feito, estresse diminuindo, aquele picotamente nas maos, aquela ansiedade que nos deixou em estado de alerta maximo se dissipando. O leao foi morto, mas ainda ha outro amanha!

Dia seguinte, confesso que dormi super mal e acordei super cedo.
Convenci marido a me levar, nao sem antes tomar um café da manha reforçado e tentar visualizar positivamente o que viria.

Ele me deixou na porta errada (erro meu). La vou eu, embaixo de vento e chuva, procurar o local certo. So faltam quinze minutos, corre-corre-corre!

Achei a boa entrada e os bons colegas do dia anterior. Para o exame pratico, somos divididos em quatro grupos, o meu era o segundo da manha, 10h30.

E passam 10h45, 11h, 11h15 ... confinados numa sala, somos dezesseis com nossos jalecos e estetoscopios, nervosos. De novo aquela ansiedade palpavel, dessa vez ainda pior pois todos odeiam o exame pratico. Nao é apenas um leao, temos um dinossauro diante de nos, e ele parece terrivel!

Esperar aumenta a ansiedade, a sensaçao de que nosso coraçao vai sair pela boca, que esta seca como se tivessemos passado horas no deserto! Os pés mexem sem parar, o cérébro continua na sua vitesse mega acelerada, tentamos focalizar as coisas boas, fazer exercicios de respiracao, mas cadê corpo que nao ajuda?? Finalmente, quase 11h30, a coordenadora começa a nos apresentar seu power point sobre o exame (REALLY?????). Dez minutos de bla-bla-bla e dez minutos de ansiedade crescendo e crescendo, vou explodir, nao cabe tanta ansiedade numa so pessoa!

Finalmente, presentaçao terminada, hora de saber se vamos na primeira ou na segunda leval. Escuto meu nome, vou na prmeira leva (alivio? Ao menos começo logo essa porcaria!).

Saimos da sala, acompanhadas por dois supervisores. Descubro que mesmo sendo da primeira leva, devo esperar minha colega passar sua estaçao em primeiro luga. Me colocam numa cadeirinha contra o muro, vejo e ouço os supervisores e atores conversando, mas nao consigo distinguir os sujeitos de conversacao. Resolvo praticar um pouco de exercicios respiratorios, afinal eu ainda lembro de alguns truques da Yoga , hora de colocar em pratica. Tenho quinze minutos para me acalmar um pouco. De olhos semi-fechados, vejo o supervisor se aproximar, chegou minha vez. Faço como um atleta antes de entrar em campo,  me sacolejo e libero um pouco a adrenalina, mexo as pernas como cachorro que acabou de se levantar. Vamos encarar o dinossauro!

Primeira sala, temos tres minutos para ler a situaçao, é a famosa situaçao mista, onde os quinze primeiros minutos sao com o ator simulando paciente e os outros quinze minutos sao com os supervisores, para discutir o caso.

Quinze minutos passam voando, acho que consegui pegar todas as informaçoes, agora é hora de analisar e discutir.

Primeira pergunta, dou as informacoes que acho pertinentes, sera que sao suficientes? Vamos para a proxima. Três diagnosticos com justificativas pro e contra. Falei o que me parecia ser o mais obvio, mas quando estava voltando para casa o cérébro deu aquele clic e eu me dei conta que talvez tenha dado uma impressao muito simplista. Vamos ver. Terceira e ultima questao, o que fazer com esse paciente? usei meus argumentos, sera que foram suficientes ?

Toca a campainha, hora de esquecer a primeira estacao e partir para a segunda. Três minutos para ler. É uma estacao pratica, uma técnica que eu treinei exaustivamente em casa. Fiz com uma certa confiança, a técnica em si foi extremamente bem feita, mas eu fiz a ssepsia correta? Sera que contaminei meu campo? Dei as orientaçoes adequadas? Acabei antes de dez minutos e fiquei de bobeira, tentando pensar no que poderia melhorar. Too late, a campainha tocou, hora de ir para a proxima estacao.

Três minutos, leia a situaçao, se prepare. É algo que você viu um zilhao de vezes na sua pratica, faça seus diagnosticos diferenciais, gere o que foi pedido, é so anamnese e impressao, nao precisa fazer exame fisico. Estacao foi tranquila.

Ta favoravel, metade ja foi e ate agora meu nivel de ansiedade esta controlavel, ate diminuindo. A ansiedade nos deixa alertas mas tambem pode nos pregar peças. Sera que esta ficando muito facil e eu estou perdendo a mao? Quarta estacao, situacao que pode ser mais complexa, a anamnese deve ser bem ampla, faca seus diferenciais, seja estruturada, siga um plano logico e tente eliminar os diferenciais com questoes chaves. Responda aos questionamentos, leia atentamente o que esta marcado, você tem informaçoes importantes. Sai da sala meio-a-meio, acho que fui razoavelmente bem , com potencial para ir melhor, mas a campainha tocou em cima da hora (OPS' estou perdendo o controle da gestao do tempo e nem me dei conta!)

ULTIMA estacao, é agora ou nunca. Três minutos, a situacao é IPS-101, algo que conheço "par coeur", vai ser mamao com acucar, estou confiante. Bora encarar!
Anamnese, examen fisico, prescricao oe orientacoes. DAI FERROU TUDO!! Me perdi no controle de tempo, fui dando orientacoes ao mesmo tempo que fazia meu questionario, perguntei duas vezes a mesma coisa. AFFF, nao consegui terminar o exame fisico, cheguei até o abdomen. Sera que tive 50% ? Sera que a parte mais importante da estacao era justamente o que eu nao consegui fazer ? Tive 20%? Qu odio de mim mesma.

Volto pra sala para pegar meu casaco, descontentamento puro com a ultima estacao! Uma colega esta la, mas nao podemos discutir sobre o exame, entao so me resta esbravejar, xingar a estacao, falar muito "merde, merde, merde" e depois pedir desculpa aos supervisores que estavam la, mas eu precisava ventilar.

No caminho de volta para casa, a inevitavel revisao mental desses dias e as inevitaveis analises e questionamentos: ah, merde, nao perguntei isso/isso/isso! Ah, merde, acho que me f*di!.

Entao, hoje é segunda, dia de recomeçar a trabalhar, a resposta so vira antes do Natal.

Passei? Reprovei?

Nao sei!!

O meu bicho de sete cabeças tem apenas três no fim das contas. Meus erros sao ligados à gestao do tempo, seja na hora de prestar atencao e fazer uma bela revisao antes de enviar a resposta no computador, seja noa hora de interagir com o ator e saber realmente focar no que é importante, nao é uma verdadeira consulta e eu nao tenho uma hora! Sao miseros dez minutos, seja direta, seja objetiva, aplique o que você ja sabe.

Se passei, encho a cara com vinho tinto.
Se reprovei, encho a cara com vinho branco e me preparo para o exame de maio.


May the odds be in my favor .....




7 commentaires:

  1. Wow!!! Tu vas l'avoir!!!! Te deseo muchos éxitos!!!

    RépondreSupprimer
  2. Fiquei tensa só de ler! Pensamento positivo sempre! Você vai passar!!!

    RépondreSupprimer
    Réponses
    1. Me preparei, mas se não conseguir já sei que não é tão terrível assim é sei onde pisei na bola ;-)

      Supprimer
  3. Gaby, não entendi direito...vc fez o exame da oiiq para enfermeira certo? Mas o exame agora não é só um dia de prova dissertativa? Ouvi dizer que haviam excluído a parte prática e dei uma olhada no site e realmente na descrição da prova nada é mencionado sobre prova prática...Me deu um frio na barriga agora...

    RépondreSupprimer
    Réponses
    1. O meu exame da ordem (o de acesso à profissão) eu fiz em 2009

      Supprimer
  4. Esse não é o exame de base da OIIQ, é o exame para obter a certificação como infirmière praticienne

    RépondreSupprimer